GOVERNADOR DO PARÁ VISITA ELETRA E CONHECE FUTUROS ÔNIBUS ELÉTRICOS DO BRT DE BELÉM

05/02/2024

40 e-Bus serão entregues no segundo semestre

O governador do Pará Helder Barbalho e a vice-governadora Hana Ghassan visitaram a fábrica da Eletra, na sexta (2/02), para conhecer os ônibus elétricos que atenderão a região metropolitana de Belém.Serão 40 e-Bus 100% brasileiros da Eletra, que integrarão o BRT da região metropolitana da capital paraense. Eles têm 12,1m (Básico), piso alto, capacidade para 75 passageiros e um cadeirante, com autonomia de até 250km.Os veículos são zero emissão de poluentes, silenciosos, confortáveis, com ar-condicionado, wi-fi e USB para carregar celulares.Durante uma viagem no e-Bus, dirigido pela presidente da Eletra, Milena Romano, o governador e sua vice puderam experimentar o veículo."Estou aqui, com a vice-governadora Hana, visitando a fábrica da Eletra, fábrica 100% nacional, que produz ônibus elétrico 100% brasileiro, indústria brasileira, que gera empregos no país", disse o governador."Aqui nós compramos os ônibus do BRT, os primeiros ônibus elétricos zero emissão, que atenderão os municípios da região metropolitana: Belém, Ananindeua, Benevides, Marituba, Santa Bárbara do Pará e Santa Izabel do Pará"."Já no início segundo semestre, nossos ônibus começarão a chegar ao BRT Metropolitano promovendo a integração do transporte e proporcionando qualidade na mobilidade.""Belém está se preparando, com sustentabilidade, para a COP30, em 2025. Em respeito às pessoas, estamos cuidando do transporte coletivo na região metropolitana", completou Barbalho.Os ônibus têm tecnologia de tração elétrica e integração Eletra, carroceria Caio eMillennium, motor elétrico e baterias WEG – todas elas empresas brasileiras – e chassis Mercedes Benz, fabricados em São Bernardo do Campo (SP).LINHA COMPLETA
Ao longo de 2023, a Eletra apresentou ao mercado a mais completa linha de ônibus elétricos da América Latina, todos fabricados no Brasil com tecnologia nacional.
São seis novos modelos, desenhados para atender às diferentes características topográficas e urbanas das cidades brasileiras e latino-americanas.E mais o e-Trol, um trólebus com ampla autonomia sem contato com a rede aérea, produzido especialmente para operações em vias segregadas e BRT (bus Rapid Transit).Os ônibus elétricos Eletra são o resultado da parceria da Eletra com algumas das principais empresas de transporte público sustentável no Brasil.

  • 10m – Midi (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG).
  • 12,1m – Básico (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 12,5m (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 12,8m – Padron (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 15m (chassi Scania, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 21,5m – Articulado (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG).
Toda a Linha Eletra é produzida numa área industrial de 27 mil m² na Via Anchieta, São Bernardo do Campo, coração industrial da Grande São Paulo.A nova fábrica entrou em operação em maio de 2022 e tem capacidade de produzir 150 ônibus elétricos/mês, ou até 1.800/ano, podendo aumentar essa produção em 50%, dependendo da demanda.A ampliação das instalações faz parte de um plano de investimentos cujo objetivo é posicionar a empresa como a principal indústria nacional de veículos elétricos pesados.
google-site-verification=he92oidMsGk8k8v3k0ClPonvSogZ4ZrKkMkm452uIFU