Operação Padroeira: fiscalização do transporte de passageiros é intensificada

11/10/2023

Em dois dias de operação, 15 transportes irregulares foram apreendidos

Começou, nesta terça-feira (10/10), a megaoperação Padroeira, às vésperas do feriado da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. Realizada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e Polícia Rodoviária Federal (PRF), a operação ocorre em Itatiaia, no Rio de Janeiro.

A intenção é monitorar e fiscalizar as condições dos transportes que estão conduzindo os romeiros ao Santuário de Nossa Senhora Aparecida. As fiscalizações são realizadas 24h por dia para garantir a qualidade dos serviços e a segurança dos viajantes.

Desde o início da operação, mais de 170 veículos já foram fiscalizados, 89 autos de infração lavrados, 15 apreensões de transporte irregular realizadas e mais 15 retenções feitas, e os números seguem aumentando.

De acordo com a fiscal da ANTT e chefe da operação Padroeira, Caroline Decembrino, a missão da operação é assegurar o transporte seguro e coibir transporte irregular.

"Como fiscais da ANTT, estamos empenhados em colocar em prática todas as premissas da Agência, garantindo que elas cheguem até aos passageiros, como a prevenção de acidentes, uso obrigatório do cinto de segurança, transporte seguro, entre outros", ponderou.

A operação especial se estende até o final do mês. Neste período, fiscais da ANTT seguirão atentos ao cumprimento das regras que regem o transporte de passageiros, incluindo a verificação das condições dos veículos, a qualificação dos motoristas e a conformidade com as regulamentações.

google-site-verification=he92oidMsGk8k8v3k0ClPonvSogZ4ZrKkMkm452uIFU